domingo, 27 de março de 2016

Pertinências.....

Já há algum tempo que tenho vontade de escrever sobre um tema já muito explorado, mas que nunca vai ser absolutamente trivial, amizade, laços que unem pessoas....
Mas sempre que começo, faltam as palavras exatas para escrever sobre o assunto.
Sempre tive alguma facilidade em "fazer" novos amigos, porque sou simpática, gosto de conviver, gosto de rir......de uma boa conversa.....gosto de brincar, ou, como me costumam dizer...." Tens boa energia, sinto-me bem ao pé de ti!"
Mas isto não quer dizer que tenha muitos amigos para a vida, os que tenho são os bons! Lol
Ou melhor, são também os que além de gostarem da minha energia, também aturaram o meu lado menos bom.....e claro .... eu o deles.
Mas na realidade também aprendi com a vida, desde muito nova que as pessoas são quem são, com ambos os lado de uma energia. Sempre aceitei muito bem, que nem sempre temos que concordar com tudo o que as pessoas que amamos, fazem ou agem. Quando amamos, aceitamos o pacote completo e vice-versa! 
Mas existem existem limites..... Digo eu....
Eu conversa com uma pessoa de quem gosto muito, que conheço desde que nasci, é prima mas podia ser irmã, sem dúvida alguma, apercebi-me que......não querendo dizer que ela é que está correta....eu sou demasiado benevolente com quem gosto....ou talvez seja!
Sempre achei que se me magoava com o comportamento dos outros, era um problema meu! Algo que tinha ainda para aprender. Um assunto a ser resolvido por mim. Este sempre foi o meu ponto de vista! Obviamente com limites, sou bastante fechada e não dou a chaves do meu mundinho a qualquer pessoa, mas a coisa sempre foi bastante intuitiva! Ou amo.....ou existe indiferença.....uma coisa muito á escorpião....eu sei....
Mas as pessoas que eu deixei entrar, podem ter certezinha absoluta que foi e é por amor!! Que as amo muito e só por isso é que têm a capacidade de me tocar de alguma maneira! E que são aceites e amadas exactamente como são, com toda a liberdade que isso implica!
A visão da minha querida prima é um pouco diferente, o facto de ser psicóloga deu-lhe a capacidade de analisar as coisas de uma outra perspetiva, ou pouco mais racional. Ela afirma, com todos os "ses " que a questão implica, que uma amizade implica também um pouco de responsabilidade pelo próximo! Amizade é estar presente, perceber, ajudar, não só dar abraços e dizer que se ama, mas efetivamente agir em conformidade! Implica perceber que nós somos de uma determinada maneira, mas que o próximo é de uma outra maneira, e que para estar presente e ajudar quando é necessário, não pode ser só á nossa maneira, mas percebermos que aquela pessoa precisa de nós de uma outra maneira bem diferente! E fazermos isso pelo próximo é Amar! 
Colocarmo-nos na pele do outro e percebermos um pouco como o outro se está a sentir, e agir em conformidade, sem egoísmo......
Quem tem razão?! Sinceramente sinto que o ideal será um pouco dos dois pontos de vista! 
Aceitar a pessoa exatamente como ela é, mas não perdendo a consciência que sim, na amizade, também existe a responsabilidade de cuidar....proteger....mostrar que se Ama! Sem dúvida alguma.....
Amizade implica.....aceitação....liberdade....presença no verdadeiro sentido da palavra .....e....consciência! 
Consciência de que as pessoas que amamos e deixamos entrar, também nos amam e nos deixaram entrar.....



Enviar um comentário