segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

CFCs

Para quem não sabe o que são os CFCs, aqui vai a explicação!

Os CFC (clorofluorocarbonetos) são derivados halogenados com cloro e flúor, como o CCl3F (Fréon- 11) ou CFC – 11. Foram utilizados pela primeira vez nos anos 20 do século passado para substituir o SO2 e o NH3 nas máquinas frigoríficas.
Os CFCs não são tóxicos, não são inflamáveis, são inertes e apresentam óptimas propriedades caloríficas. Por isso, começaram a ser usados nos frigoríficos, nos aparelhos de ar condicionado e em muitas outras situações.
Estes compostos, dada a sua volatilidade e estabilidade, conseguem atravessar a troposfera sem que nada lhes suceda, atingindo a estratosfera.
Os átomos de cloro, muito reactivos, reagem com o ozono, destruindo-o e originando oxigénio molecular e óxido de cloro (um radical livre).
Os CFCs são poderosos gases promotores do efeito de estufa, sendo dez mil vezes mais eficazes a aprisionar calor do que o CO2, que aliado a longos tempos de residência na atmosfera faz deles os gases com maior potencial para induzir o aquecimento global.
Enviar um comentário